Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
18/03/21 às 15h57 - Atualizado em 18/03/21 às 15h57

Sete praças da Vila Telebrasília serão recuperadas

COMPARTILHAR

Terracap vai investir R$ 1,2 milhão na ação. Os espaços mexem com a memória afetiva da comunidade. Dezenas de empregos serão gerados

 

As praças terão os calçamentos recuperados, ganharão novo mobiliário urbano, mesas de xadrez adaptadas para cadeirantes, aparelhos para exercícios físicos e, ainda, vão receber o plantio de espécies nativas do cerrado | Foto: Lúcio Bernardo Jr / Agência Brasília

 

A Vila Telebrasília vai ganhar uma reforma completa em sete praças da cidade. O local, que tem ar de cidade do interior, ficará ainda mais bucólico com os reparos que serão feitos nas estruturas lúdicas que fazem parte da vida dos cerca de 3 mil moradores. A Agência de Desenvolvimento do Distrito Federal (Terracap) acaba de contratar uma empresa especializada para a execução das obras, que vai aplicar R$ 1,2 milhão em benfeitorias na cidade e gerar dezenas de empregos.

 

As praças terão os calçamentos recuperados, ganharão novo mobiliário urbano, mesas de xadrez adaptadas para cadeirantes, aparelhos para exercícios físicos e, ainda, vão receber o plantio de espécies nativas do cerrado -ipê roxo de bola; ipê amarelo peludo; ipê branco, quaresmeira, palmeira, carvoeiro, jatobá do cerrado; pombeiro; copaíba, entre outras – no paisagismo.

 

“Em reunião recente com lideranças da Vila Telebrasília, o pedido de melhorias nas praças foi unânime. São os locais simbólicos de encontros e memórias da vila, onde as pessoas vivem os momentos de lazer. Um grande presente para os moradores”, comemora a Administradora do Plano Piloto, Ilka Teodoro.

 

“Com as obras, a Terracap dará tratamento paisagístico e urbanístico aos espaços públicos do bairro há anos consolidado e, claro, atenderá às demandas da população local que anseia por espaços de lazer e descanso”, explica o presidente da Agência, Izidio Santos.

 

A Vila Telebrasília faz parte, oficialmente, da Região Administrativa do Plano Piloto. O bairro surgiu como um acampamento para abrigar funcionários de construtoras que ergueram a capital federal, inaugurada em 1960.

 

*Com informações da Terracap

AGÊNCIA BRASÍLIA* | EDIÇÃO: MÔNICA PEDROSO