Governo do Distrito Federal
28/01/22 às 11h47 - Atualizado em 28/01/22 às 11h47

Sem chance para o lixo, a dengue e a sujeira no Engenho das Lajes

Equipes já retiraram mais de 142 toneladas de lixo da cidade e seguem na região para lavagem das paradas de ônibus e ações de combate à dengue

Na região do Engenho das Lajes, no Gama, o lixo e a sujeira não têm vez. Equipes do GDF Presente estão no local para retirar toneladas de inservíveis e lixo verde e também lavar e higienizar paradas de ônibus. Um trabalho minucioso que reúne equipes também da administração regional, Novacap, Serviço de Limpeza Urbana (SLU) e Secretaria de Saúde.

O trabalho de lavagem das paradas de ônibus envolveu profissionais do Serviço de Limpeza Urbana | Foto: Divulgação/GDF Presente

Para a retirada de lixo e sujeira, o time do GDF Presente utilizou caminhões e tratores devido à grande quantidade de material, acumulado em ruas ou nas proximidades das casas e que soma mais de 142 toneladas recolhidas. O trabalho de lavagem das paradas de ônibus envolveu profissionais do SLU, que deixaram esses locais higienizados após utilizarem caminhões d’água e vassouras.

Já as equipes da Secretaria de Saúde estão na região fazendo o controle e o combate à dengue. Um trabalho com pulverizador motorizado e de muita saliva e sola de sapato com as vistorias feitas casa por casa, em conversa e conscientização com os moradores. Ao todo, foram aplicados cinco ciclos de fumacê na região.

“Estamos com essa grande ação de combate à dengue no Engenho das Lajes para deixar a população mais segura e livre do mosquito Aedes aegypti. É, também, uma ação preventiva”, afirma a administradora Joseane Feitosa.

Para o coordenador do Polo Sul II do GDF Presente, Rodrigo Caverna, esses serviços são essenciais para evitar doenças e a proliferação de insetos e animais. “Com a limpeza e retirada de inservíveis, evitamos que água parada se acumule, evitamos a dengue e mantemos a cidade limpa como os moradores merecem. É um trabalho de comunidade, que aproxima o governo da população”, diz.

As equipes da Secretaria de Saúde estão na região fazendo o controle e o combate à dengue | Foto: Divulgação/GDF Presente

Quem mora na região agradece as ações. É o caso do presidente da Associação de Moradores do Engenho das Lajes, Davi Lobato. “Creio que quase 80% da comunidade teve dengue em algum momento. Ver a cidade sendo limpa e a conscientização feita junto aos moradores a mantê-la limpa me leva a acreditar que não teremos dengue aqui dentro mais. Ver o governo presente em uma área que está a 30 quilômetros do Gama e atuando junto à comunidade é muito gratificante”, comenta Davi.

Moradora do Engenho das Lajes, a bombeiro civil Rigiana Porto também elogiou a presença do GDF Presente. “É uma satisfação ter a presença efetiva do governo na nossa região, devolvendo a sensação de morar em um lugar limpo e sem foco de dengue. Se não fosse realizada essa ação, estaríamos correndo o sério risco de contágio”, avalia.