Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
23/12/20 às 9h14 - Atualizado em 23/12/20 às 9h14

Ruas 4A e 8 estão liberadas

COMPARTILHAR

Serviços de drenagem e pavimentação foram concluídos em mais algumas quadras de Vicente Pires. Governador visitou os locais nesta terça-feira (21)

 

O trecho liberado é um dos principais pontos de comércio da cidade. A entrega foi feita antes das festas de fim de ano  | Foto: Renato Alves/Agência Brasília

As ruas 4A e 8 de Vicente Pires foram liberadas para a população. No momento, operários trabalham na última etapa da obra, que inclui a instalação de calçadas e meios-fios e sinalização vertical e horizontal da via. Bocas de lobo em pontos específicos também estão sendo construídas. O governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha, acompanhado do secretário de Governo, José Humberto e do administrador regional Daniel de Castro, visitou o local nesta terça-feira (22).

A comitiva do Executivo seguiu ao longo da Rua 4A, desceu pela Rua 3, passou em frente à Feira Permanente de Vicente Pires e seguiu para verificar o andamento das obras na Rua 8, onde avançam serviços de sinalização, construção de quebra-molas, calçadas e meios-fios.

O secretário de Obras e Infraestrutura, Luciano Carvalho, explica que o fluxo de veículos na Rua 4A foi retomado na semana passada. A área estava isolada durante a realização dos serviços de drenagem e pavimentação. “São cerca de 200 metros de pista, onde aterramos e construímos a sub-base e a base”, lembra. “As chuvas atrapalharam um pouco o andamento da obra, mas conseguimos entregar para a população e atender ao pedido do governador”, comenta.

O administrador Daniel de Castro ressalta a importância do trecho para a economia local. “É um dos principais comércios da cidade”, reforça. “Tivemos que esperar as chuvas amenizarem um pouco para darmos continuidade aos serviços e, por isso, atrapalhou as vendas, mas a entrega foi feita antes das festas de fim de ano”, disse.

Aldeir Macedo: “Senti um frio na barriga quando vi tudo asfaltado” | Foto: Renato Alves/Agência Brasília

Expectativa de vendas

Lindines Lopes, 26 anos, lembra que a liberação da rua veio em uma ótima época do ano. “Um dia depois da abertura da pista já sentimos diferença nas vendas, principalmente por causa do Natal e Ano Novo”, comenta. “Com a pavimentação, a expectativa para nós, comerciantes, é muito positiva. Será a retomada do comércio desse trecho”, afirma.

Dona de um restaurante, Aldeir Macedo, 48 anos, não esconde a felicidade com a liberação do trecho. Ela é dona do estabelecimento desde a década de 1990 e pela primeira vez viu a obra se concretizar. “Senti um frio na barriga quando vi tudo asfaltado”, conta. “Quando chovia a lama invadia tudo, mas agora não teremos mais esse problema”, comemora ela, que também é moradora da região.

Confira o andamento das obras de infraestrutura do Setor Habitacional Vicente Pires, rua por rua:

Rua 1 (rua do Jóquei) – Serviços de drenagem, pavimentação e instalação de calçadas e meios-fios concluídos.

Rua 3 – Drenagem e pavimentação, calçadas e meios-fios concluídos.

Rua 3B – Serviços de drenagem, pavimentação e instalação de calçadas e meios-fios concluídos.

Rua 3C – Serviços de drenagem, pavimentação e instalação de calçadas e meios-fios concluídos.

Rua 4 – Drenagem e pavimentação, calçadas e meios fios concluídos. No momento, a empresa Artec trabalha na construção das calçadas e instalação dos meios-fios.

Rua 4A – Obras de drenagem e pavimentação concluídas. Instalação de calçadas e meios-fios em andamento.

Rua 4B (rua da delegacia) – Serviços de drenagem, pavimentação e instalação de calçadas e meios-fios concluídos.

Rua 4C (rua da Faculdade Mauá) – Serviços de drenagem, pavimentação e instalação de calçadas e meios-fios concluídos.

Rua 4D – Serviços de drenagem, pavimentação e instalação de calçadas e meios-fios concluídos.

Rua do Sicoob – Serviços de drenagem, pavimentação e instalação de calçadas e meios fios concluídos.

Rua 5 – Os serviços de drenagem e pavimentação previstos em contrato estão concluídos. Parte dos serviços foram executados pelo DER. Está em andamento processo licitatório para a contratação do remanescente de obra.

Rua 6 – Os serviços de drenagem e pavimentação previstos em contrato estão concluídos. Está em andamento processo licitatório para a contratação do remanescente de obra.

Rua 7 – Serviços de drenagem, pavimentação e instalação de calçadas e meios fios concluídos.

Rua 8 – Serviços de drenagem e pavimentação concluídos. Instalação de meios fios e abertura de bocas de lobo em andamento.

Rua 10 – Os serviços de drenagem e pavimentação previstos em contrato estão concluídos. Parte dos serviços foram executados pelo DER e pela Novacap. Está em andamento processo licitatório para a contratação do remanescente de obra.

Rua 12 – As obras de drenagem previstas nos atuais contratos em vigor estão concluídas. Pavimentação, instalação de meios fios, calçadas e abertura de bocas de lobo em andamento. Está em andamento processo licitatório para a contratação do remanescente de obra.

Colônia Agrícola Samambaia – A empresa Evolução Engenharia Construções e Administração Ltda. já começou a atualização do projeto da região nas áreas em que serão desenvolvidas edificações diversas e obras de drenagem e pavimentação. O valor do contrato é de R$ 1.968.098,63 e a empresa terá 12 meses para concluir os serviços.

Lagoas de detenção – O projeto prevê a construção de 22 lagoas (16 estão concluídas) e 85 dissipadores (40 estão finalizados).

Ponte sobre o córrego Vicente Pires – A construção da ponte de 40 metros de extensão está concluída. Está em andamento as obras de construção do encabeçamento da ponte. A previsão é de que a ponte seja liberada para o tráfego de veículos em dezembro deste ano.

Obra de Arte Especial n. 2 – No momento, a empresa VP trabalha na construção de ponte sobre o córrego Samambaia que vai ligar a Rua 4 direto à Estrada Parque Taguatinga Guará (EPTG). O monumento de 82 metros de extensão e 13,2 metros de largura está orçado em aproximadamente R$ 2,3 milhões, e está previsto para ser entregue à população em dezembro deste ano.

Obra de Arte Especial n. 3 – O GDF contratou a empresa AJL Engenharia e Construções EIRELI, responsável pela construção de nova ponte no Setor Habitacional Vicente Pires para conectar as Ruas 01 e 3B da região. O monumento terá 180 metros de extensão e 13,8 metros de largura. O investimento é de R$ 5.810.876,39 e a previsão é de que as obras sejam iniciadas nos próximos dias.