Governo do Distrito Federal
31/10/22 às 11h01 - Atualizado em 31/10/22 às 11h01

Novo sistema de informações agropecuárias será lançado nesta segunda (31)

Siagro DF permitirá que produtor rural declare a vacinação contra febre aftosa e raiva dos animais, emitir a Guia de Trânsito Animal eletrônica (GTA-e) e a permissão de trânsito vegetal (PTV), entre outros serviços

Agência Brasília* | Edição: Carolina Lobo

A Secretaria da Agricultura do Distrito Federal (Seagri-DF) traz uma importante evolução para os produtores rurais que usam o Sistema de Informações em Defesa Agropecuária. O antigo Sidagro Produtor passa a ser Siagro DF. O novo sistema poderá ser utilizado pelos interessados a partir desta segunda-feira (31).

A transformação traz mais facilidade e segurança para que os produtores rurais do DF tenham acesso a ainda mais serviços, a qualquer hora e em qualquer lugar. Por meio do sistema online  é possível declarar a vacinação contra febre aftosa e raiva dos animais, ajustar o rebanho, emitir a Guia de Trânsito Animal eletrônica (GTA-e) e a permissão de trânsito vegetal (PTV), entre outros serviços.

“Tudo isso sem o produtor precisar se deslocar a um dos escritórios de atendimento da Defesa Agropecuária”, afirma o diretor de Sanidade Agropecuária e Fiscalização da Seagri-DF, Vinícius Campos.

Novo sistema traz mais facilidade e segurança para que os produtores rurais do DF tenham acesso a ainda mais serviços | Foto: Divulgação

Outra melhoria, segundo o subsecretário substituto de Defesa Agropecuária da Seagri-DF, Marco Antônio Martins, é que o sistema implementado representa uma importante redução de custos. “Ao contrário do Sidagro, que era um sistema externo, pago, no caso do Siagro DF, o código fonte foi cedido pela AgroDefesa, do Goiás, por meio de cooperação técnica, para utilização da Seagri. Isso implica em uma considerável economia de recursos, refletindo na diminuição dos gastos públicos”, explica.

Mais uma vantagem é que o Siagro DF permitirá, em uma segunda etapa, a gestão das informações de diferentes atividades da Defesa Agropecuária, como inspeção animal e vegetal, fiscalização de agrotóxicos, sanidade vegetal e animal e fiscalização de trânsito. “Hoje isso não acontece. Quando houver, em breve, a inserção dos dados de inspeção no sistema online, a Seagri conseguirá monitorar e avaliar melhor e com mais agilidade as atividades do Serviço de Defesa Agropecuária”, complementa Martins.

De acordo com Vinícius Campos, a expectativa de adesão dos produtores ao novo sistema online é positiva. “O Siagro DF é bastante intuitivo e semelhante ao sistema anterior. Por isso, acreditamos que os produtores rurais não terão maiores problemas em utilizar essa nova ferramenta”, afirma. “E, caso apresentem qualquer dificuldade, nós da Defesa Agropecuária estaremos à disposição para prestar os esclarecimentos necessários”, finaliza o diretor da Seagri-DF.

Como utilizar o sistema?

Para usar o novo Sistema de Informações em Defesa Agropecuária, o interessado deve acessar o link do Siagro DF, digitar seu CPF no campo Usuário, e em Senha escrever seu primeiro nome, seguido do CPF (sem espaço). Depois, basta clicar em Entrar e ter acesso ao sistema.

Em caso de dúvida, estão disponíveis no site da Seagri-DF o link de acesso ao Siagro DF, vídeos tutoriais, além dos contatos da Defesa Agropecuária da Seagri-DF e outras informações.

*Com informações da Secretaria da Agricultura do DF