Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
9/06/21 às 13h44 - Atualizado em 9/06/21 às 13h41

Menos buracos no caminho da escola

COMPARTILHAR

Em Planaltina, programa ‘GDF Presente’ patrolou o acesso à Escola Classe Pedra Fundamental e fez limpeza em outras duas unidades de ensino

 

No Centro de Ensino Fundamental Nossa Senhora de Fátima foram retirados troncos de árvores, galhadas e restos de obras, em quatro viagens de caminhão | Foto: Divulgação/GDF Presente

O trabalho em Planaltina não para. Em uma temporada de 15 dias na cidade, as equipes do Polo Área Norte do GDF Presente concentram-se na recuperação de vias de terra na área rural para melhorar a trafegabilidade da população. O foco, agora, está sendo recuperar a estrada que dá acesso à Escola Classe Pedra Fundamental, uma via de 6 km de extensão no Núcleo Rural Planaltina.

 

Na estrada rural, que sofria com erosões causadas pelas chuvas, as equipes do GDF Presente também construíram, dentro das propriedades, com autorização dos chacareiros, bacias de contenção das águas das chuvas, o que vai diminuir o estrago na época chuvosa e facilitar o tráfego de carros, caminhões, ônibus e vans escolares.

 

O GDF Presente, em parceria com a administração regional e reeducandos do projeto Mãos Dadas, da Secretaria de Administração Penitenciária (Seape), também fez um mutirão de limpeza em duas escolas da região. No Centro de Ensino Fundamental Nossa Senhora de Fátima, foram retirados troncos de árvores, galhadas e restos de obras, em um total de quatro viagens de caminhão trucado.

 

Já no Centro Educacional Dona América Guimarães, no Setor Arapoangas, foram feitos o recolhimento emergencial de entulhos e a capina de mato alto ao redor do colégio.

 

Ajustes de vias sem pavimentação foram feitos em duas ruas no Setor de Mansões do Amanhecer, que totalizam cerca de 3 km | Foto: Divulgação/GDF Presente

“No plano de ação que fizemos com a administração, priorizamos os acessos às escolas rurais e algumas ações dentro das escolas urbanas”, explica Ronaldo Alves, coordenador do Polo Área Norte. “Já tinha um ano que não íamos nessa escola da zona rural e a estrada estava bem deteriorada por causa das chuvas”, contou.

 

De acordo com o administrador de Planaltina, Célio Rodrigues, o trabalho faz parte das ações para a volta às aulas, que devem retornar presencialmente em agosto. “A partir de agora, nossas ações, principalmente na área rural, terão esse objetivo. Nossa intenção é facilitar a chegada das crianças na escola”, diz.

 

Ajustes de vias sem pavimentação também foram feitos em duas ruas no Setor de Mansões do Amanhecer, que totalizam cerca de três quilômetros. Após o patrolamento, cerca de 60 toneladas de Restos de Construção Civil (RCC), cedidos pelo Serviço de Limpeza Urbana (SLU), foram compactados no solo.

 

Neste trabalho, foram utilizados uma patrol e três caminhões da Administração Regional de Planaltina.

 

Na Quadra 04, do Bairro Vila Vicentina, uma grande quantidade de galhadas foi retirada das ruas, assim como 90 toneladas de entulhos, aproximadamente, do pátio de obras da Administração Regional de Planaltina e destinados para a Unidade de Recolhimento de Entulhos (URE), na Estrutural.

 

GIZELLA RODRIGUES, DA AGÊNCIA BRASÍLIA I EDIÇÃO: CAROLINA JARDON