Governo do Distrito Federal
Maria da Penha ONLINE Governo do Distrito Federal
3/05/24 às 14h25 - Atualizado em 3/05/24 às 14h25

GDF retoma construção de corredor exclusivo de ônibus que leva ao Terminal Asa Sul

Serão investidos R$ 13,2 milhões, com a geração de 100 empregos diretos e indiretos. Obra precisou passar por nova licitação após rescisão do contrato com a empresa responsável

Por Agência Brasília* | Edição: Ígor Silveira

 

A construção do corredor exclusivo de ônibus que faz a ligação do Setor Policial Sul com o Terminal Asa Sul foi retomada nesta semana. No momento, máquinas e operários trabalham na ampliação da rede de drenagem.

A Estrada Setor Policial Militar (ESPM) faz parte do Corredor Eixo Oeste | Fotos: Divulgação/SODF

A obra estava paralisada desde abril de 2023 em virtude da rescisão do contrato com a empresa responsável. “Após a rescisão, trabalhamos na atualização do projeto com a inserção de serviços importantes até então não previstos no contrato original, realizamos nova licitação, contratamos a empresa vencedora e, agora, retomamos as obras”, explica o secretário de Obras e Infraestrutura, Valter Casimiro.

Conhecida como Setor Policial Sul, a Estrada Setor Policial Militar (ESPM) faz parte do Corredor Eixo Oeste. A obra, dividida em duas partes por questões de logística e segurança, teve início pelo trecho entre o Quartel do Comando Geral da Polícia Militar e o Terminal da Asa Sul (TAS), onde foram construídos dois viadutos.

Serão investidos R$ 13,2 milhões, com a geração de 100 empregos entre diretos e indiretos

“Os dois viadutos já estão concluídos e em pleno funcionamento. Com a retomada das obras, vamos concluir a construção do corredor exclusivo de ônibus em pavimento rígido no trecho que vai fazer a ligação desses viadutos ao Terminal Asa Sul”, esclarece o secretário de Obras e Infraestrutura.

Além do corredor, a obra prevê drenagem, pavimentação, sinalização vertical e horizontal e paisagismo. Serão investidos R$ 13,2 milhões, com a geração de 100 empregos entre diretos e indiretos.

Corredor Eixo Oeste

Com 38,7 km de extensão, o corredor prevê o alargamento de pistas e a construção de faixas exclusivas nas principais vias de ligação do Sol Nascente com o Plano Piloto, como a Avenida Hélio Prates, a Epig e a ESPM, que leva ao Terminal da Asa Sul. O objetivo é reduzir em meia hora o tempo de deslocamento até o Plano Piloto.

Os trabalhos estão em execução por trechos, já que é inviável fazer as intervenções de uma vez no trânsito. Além das obras no Setor Policial Sul, o corredor contempla diversas outras, como a requalificação completa da Estrada Parque Indústrias Gráficas e da avenida Hélio Prates.

*Com informações da Secretaria de Obras e Infraestrutura (SODF)