Governo do Distrito Federal
14/12/22 às 17h39 - Atualizado em 14/12/22 às 17h39

GDF Presente usa 70 toneladas de brita em manutenção de estrada rural

Ação atinge trecho vicinal superior a 1,7 km na região da Cabeceira do Valo; demanda faz parte de plano estratégico de serviços corretivos e preventivos para o período de chuvas

Catarina Loiola, da Agência Brasília | Edição: Rosualdo Rodrigues

O programa GDF Presente está executando a terraplanagem da via de acesso da área rural Cabeceira do Valo, na Estrutural. O trecho vicinal tem extensão superior a 1,7 km e é usado diariamente por centenas de motoristas e pedestres. Participam da ação mais de dez pessoas, com apoio de três caminhões caçamba, uma pá carregadeira e uma motoniveladora.

A terraplanagem consiste na aplicação de brita, composta por resíduos de construção civil, e compactação no solo com o maquinário | Foto: Divulgação/GDF Presente

“A pista estava em situação precária, muito destruída. Era difícil dirigir e as pessoas não se sentiam seguras. Estamos trabalhando para devolver o conforto às pessoas e garantir a trafegabilidade de todos”, salienta o coordenador do Polo Central, Carlos Alberto.

A terraplanagem consiste na aplicação de brita, composta por resíduos de construção civil (RCC), e compactação no solo com o maquinário. Em 15 dias de serviço, foram usadas mais de 70 toneladas de material, doado e triturado pelo Serviço de Limpeza Urbana (SLU).

“Primeiro, a motoniveladora passa na via, justamente nivelando a área. Depois, após o descarregamento dos caminhões, a pá carregadeira espalha a brita”, afirma a diretora de Obras da Administração Regional da Estrutural, Rafaela Pereira Valentim. Também está em andamento a retirada da mata que cresce sobre a via vicinal, com uso de maquinário.

Segundo Valentim, a ação faz parte do plano estratégico de serviços corretivos e preventivos para o período de chuvas, além de atender a uma demanda registrada por um morador na Ouvidoria. “O objetivo é melhorar a trafegabilidade dos moradores e, principalmente, dos ônibus escolares”, pontua.

Ela acrescenta ainda que os servidores da administração começaram o trabalho na primeira semana deste mês e, a partir do dia 12, receberam apoio dos servidores do GDF Presente. “A equipe continuará na área até a conclusão do serviço em toda a extensão da cabeceira”, finaliza.