Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
18/03/21 às 7h51 - Atualizado em 18/03/21 às 7h52

Galeria de água pluvial na Fercal é reconstruída

COMPARTILHAR

Após as chuvas fortes, equipes trabalharam ainda na manutenção de estradas rurais

 

Uma das principais ações realizadas foi a reconstrução de uma galeria de água pluvial que havia se rompido | Foto: Divulgação/GDF Presente

 

O GDF Presente encerrou os trabalhos de recuperação das áreas mais danificadas com as chuvas, ocorridas durante a semana passada na Fercal. As obras vão beneficiar os moradores das comunidades de Sonhém de Cima, Catingueiro, Lobeiral, Expansão do Engenho Velho, Queima Lençol e Boa Vista.

 

Uma das principais ações realizadas foi a reconstrução de uma galeria de água pluvial que havia se rompido. Depois dos temporais, a comunidade do Sonhém de Cima estava praticamente isolada. Produtores rurais da região precisaram passar por um desvio de mais quatro quilômetros para conseguirem chegar em casa.

 

“Agora o acesso à comunidade já está garantido. Tivemos um mês de fevereiro muito chuvoso e o rompimento da galeria fluvial acabou deixando os produtores rurais ilhados”, disse o administrador da Fercal, Fernando Gustavo Lima da Silva.

Cerca de 60 produtores rurais e suas famílias foram diretamente beneficiados pela reconstrução da galeria. A obra demandou 25 sacos de cimento, 20 manilhas e caminhões de pedras.

 

Nas comunidades de Lobeiral e Queima Lençol, as equipes trabalharam no patrolamento e ajustes de vias sem pavimentação | Foto: Divulgação/GDF Presente

 

O trabalho do GDF Presente também se estendeu à recuperação de estradas. Nas comunidades de Lobeiral e Queima Lençol, as equipes trabalharam no patrolamento e ajustes de vias sem pavimentação. Foram utilizadas 150 toneladas de expurgo de brita – produto composto de pedra britada em tamanhos variados misturado com argila, areia e outros resíduos resultantes do solo e da vegetação removidos na preparação do terreno.

 

“Os trabalhos na Fercal são muito importantes por causa da destruição das ruas que as chuvas provocaram, mas quando chega o GDF Presente, trabalhamos, simultaneamente, em várias frentes, para solucionar os problemas”, disse Ronaldo Alves, coordenador do Polo Norte, que inclui Planaltina, Sobradinho e Sobradinho II, além da Fercal.

 

Sobradinho

O programa também realizou ações em Sobradinho II. No Condomínio Serra Azul, localizado no Setor de Mansões, foram utilizadas 10 toneladas de massa asfáltica na operação emergencial Buraco Zero, que se estendeu até as quadras 13 e 15 de Sobradinho. Nessas localidades, 3,6 toneladas de massa asfáltica foram usadas para realizar o trabalho.

 

MARLENE GOMES, DA AGÊNCIA BRASÍLIA I EDIÇÃO: CAROLINA JARDON