Governo do Distrito Federal
Maria da Penha ONLINE Governo do Distrito Federal
1/04/24 às 10h26 - Atualizado em 1/04/24 às 10h26

Força-tarefa recupera área verde próximo a Santa Luzia, na Estrutural

Ação começou nesta quarta (27) e segue em andamento nos próximos dias, com o objetivo de recompor a natureza do local e, principalmente, de impedir criadouros de mosquitos da dengue

Por Catarina Loiola, da Agência Brasília | Edição: Vinicius Nader

Cerca de 40 pessoas estão mobilizadas na recuperação da área verde localizada entre a Chácara Santa Luzia, na Estrutural, e o Parque Nacional de Brasília. O trabalho começou nesta quarta-feira (27) com a limpeza do local, que tem extensão de cerca de 6 km, e segue nos próximos dias. Também está em andamento a instalação de cercas de concreto para impedir o descarte irregular de resíduos e, em breve, será iniciada a aplicação de restos de construção civil (RCC). Por fim, a região receberá terra vegetal.

A ação mobiliza esforços de diferentes órgãos do Governo do Distrito Federal (GDF). Participam servidores e terceirizados do Departamento de Estradas de Rodagem (DER-DF), da Companhia Urbanizadora da Nova Capital do Brasil (Novacap), do Serviço de Limpeza Urbana (SLU), da Secretaria de Governo (Segov) e da Secretaria Executiva das Cidades (Secid), com apoio de caminhões e outros maquinários, como escavadeira hidráulica e pá carregadeira.

O transporte de RCC, doado pelo SLU, está marcado para começar na segunda-feira (1º) | Fotos: Divulgação/Administração da Estrutural

Marco Aurélio Demes, subsecretário de Operações nas Cidades e coordenador-geral do programa GDF Presente, afirma que a recuperação foi autorizada pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMbio), responsável pelo Parque Nacional de Brasília, e é a continuação de serviços iniciados em fevereiro, quando houve o Dia D de combate à dengue na RA.

A previsão é que o transporte de RCC, doado pelo SLU, comece nesta segunda-feira (1º). Estima-se que serão usadas cerca de 180 toneladas do material para auxiliar no trajeto dos caminhões. “Como os veículos são muito pesados, precisamos do reforço para fazer o transporte da terra vegetal e evitar o atolamento dos veículos”, explica Demes.

Devido à extensão da área degradada, a previsão é que sejam usadas mais de mil toneladas de terra vegetal

A terra vegetal é o solo misturado com folhas, caules e gravetos que ajudam a recompor a natureza. Devido à extensão da área degradada, a previsão é que sejam usadas mais de mil toneladas do composto, totalizando 300 viagens de caminhão.

A cerca de 12 km da área central de Brasília, a Chácara Santa Luzia reúne mais de 10 mil habitantes e faz parte da região administrativa SCIA/Estrutural. A cidade reúne mais de 37,5 mil moradores em área de 738,66 hectares, conforme a última Pesquisa Distrital por Amostra de Domicílios (Pdad).

O administrador regional da SCIA/Estrutural, Alceu Prestes, ressaltou que essa é a primeira ação do tipo realizada na área. Ele pontuou, ainda, o compromisso governamental com a preservação do meio ambiente e com o combate à dengue. “É um trabalho pioneiro. Há anos as pessoas jogam lixo e entulho nessa área, causando risco à saúde de toda a cidade. Estamos limpando todo o espaço e vamos tapar as erosões para evitar o acúmulo de lixo e, principalmente, o surgimento de criadouros do mosquito”, comentou.

Participe!

A população pode solicitar ações relacionadas à infraestrutura e à limpeza das cidades pela Ouvidoria, pelo site, pelo número 162, ou diretamente nas administrações regionais. Os canais também estão abertos para elogios e críticas.