Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
28/01/21 às 7h50 - Atualizado em 28/01/21 às 7h51

Empresa conservará rodovias distritais

COMPARTILHAR

Com licitação programada para março, contrato elaborado pelo DER tem valor aproximado de R$ 72 milhões

 

À empresa vencedora da licitação caberá executar serviços em 400 km de rodovias distritais | Foto: Divulgação/DER-DF

 

Um projeto-piloto do Departamento de Estradas de Rodagem do Distrito Federal (DER-DF) promete intensificar a manutenção e conservação das rodovias distritais. É o Programa Rodovias DF, forma simplificada do nome original – Programa de Conservação da Malha Rodoviária Pavimentada do Distrito Federal.

 

O objetivo é contratar uma empresa que ficará responsável por executar os serviços de ações corretivas e preventivas, bem como a conservação rotineira de cinco rodovias, a princípio. Aproximadamente 400 km de estradas ficarão a cargo da instituição vencedora.

 

As rodovias que participarão desse projeto-piloto são Estrada Parque Indústria e Abastecimento (DF-003), Estrada Parque das Nações (DF-004), Estrada Parque Dom Bosco (DF-025), Estrada Parque Guará (DF-051) e Estrada Parque Taguatinga (DF-085).

O aviso de licitação para escolher a empresa que ficará responsável por esses serviços foi publicado na edição de terça-feira (26) do Diário Oficial do Distrito Federal (DODF). A abertura da licitação está marcada para 8 de março, com valor de contrato estimado em aproximadamente R$ 72 milhões, com vigência de três anos.

 

O que será feito

A empresa que ganhar a licitação será responsável por executar os serviços de recuperação de pavimento, revitalização e microrrevestimento, ações intensas de tapa-buraco e remendo profundo do pavimento, selagem de trincas, limpeza das margens das rodovias com serviços de roçagem e capinagem, limpeza de drenagem superficial – que inclui sarjetas e meios-fios – e manutenção da sinalização horizontal.

 

“Com essa ação inovadora, queremos garantir mais conforto e segurança aos usuários das nossas rodovias e manter o patrimônio rodoviário em excelentes condições”, explica o diretor-geral do DER, Fauzi Nacfur Júnior.

 

Há 60 anos, informa o gestor, o DER atua na manutenção das rodovias por meio dos cinco distritos rodoviários do órgão. Para manter em boas condições os 2 mil km de rodovias do DF, pontua Fauzi, é necessário um reforço no trabalho.

 

“Os outros DERs, dos outros estados, há tempos terceirizam o serviço de manutenção de suas rodovias”, mas aqui no DF, agora, esse reforço se torna necessário, já que temos muitas obras em andamento e muitas outras que terão início este ano.”

 

Outras rodovias

Um segundo lote de rodovias que serão contempladas com o serviço tem previsão de ser publicado em março. Serão sete vias contempladas: DF-150, Estrada Península Norte (DF-009), Estrada Parque Centro de Atividades (DF-006), Estrada Parque Paranoá (DF-005), Estrada Parque Núcleo Bandeirante (DF-075), o trecho da Estrada Parque Contorno (DF-001) que incorpora do Pistão Sul ao viaduto da Samambaia e a BR-020, que é rodovia federal, mas cedida ao DER-DF para execução de obras. O orçamento previsto para esse novo pacote de rodovias está em análise.

 

*Com informações do DER-DF

AGÊNCIA BRASÍLIA * | EDIÇÃO: CHICO NETO