Governo do Distrito Federal
Maria da Penha ONLINE Governo do Distrito Federal
14/03/24 às 16h04 - Atualizado em 14/03/24 às 16h04

DF-140 alcança 10 km duplicados no Jardim Botânico

Etapa recém-concluída compreende entrega do novo acesso ao condomínio Mônaco; investimento de mais de R$ 20 milhões vai beneficiar cerca de 20 mil motoristas que circulam diariamente na região

Por Victor Fuzeira, da Agência Brasília | Edição: Carolina Caraballo

 

Mais segurança e comodidade para os moradores do condomínio Mônaco, no Jardim Botânico. Nesta quinta-feira (14), o Governo do Distrito Federal (GDF) entregou o novo acesso ao residencial pela DF-140. Demanda antiga dos residentes do empreendimento, o trecho compreende uma das etapas das obras de duplicação da rodovia que conecta a região administrativa ao Entorno, por onde passam, diariamente, 20 mil motoristas.

Acesso ao condomínio Mônaco era demanda antiga da comunidade | Fotos: Lucio Bernardo Jr./Agência Brasília

Até o momento, já foram entregues 10 dos 14,8 km previstos na ampliação e readequação da via. O investimento do GDF na obra viária supera R$ 20 milhões e os serviços são executados por empresa contratada pelo Departamento de Estradas de Rodagem do DF (DER).

O secretário de Governo (Segov), José Humberto Pires de Araújo, visitou o novo acesso ao condomínio e ressaltou que o objetivo da obra viária é trazer mais segurança para os motoristas e condôminos. “Tivemos algumas dificuldades, mas todas foram superadas e retomamos os trabalhos em ritmo acelerado. Esse trecho entregue hoje é fundamental para os moradores do condomínio, vai dar uma fluidez muito grande à via”, enfatiza.

Por se tratar de uma obra de grande extensão, alguns desafios surgiram ao longo da execução, como a necessidade de remanejamento de redes de água, esgoto e energia, além de interferências fundiárias e condições climáticas adversas, agravadas pelo período chuvoso que assola o DF nos primeiros meses do ano. Em função dos obstáculos, as atividades precisaram ser paralisadas temporariamente.

Com a conclusão de mais esta etapa, o foco de atuação das equipes será direcionado para os quase 5 km restantes. “Temos que adaptar o projeto para aproximar a estrada das residências e chácaras; poderemos avançar nesse pedaço restante, que é o último da obra, e aí é só questão de acabamento para que a gente possa entregar essa obra tão esperada para a comunidade”, prossegue o titular da Segov.

O novo acesso já vinha sendo utilizado pelos moradores desde o início da semana, antes da entrega oficial, e já mostrou a eficácia da obra. “Estamos usando-o há pouco tempo, mas a gente sente de imediato a diferença; vai facilitar muito nossa vida. Com certeza, traz mais segurança, especialmente com as sinalizações feitas, que são imprescindíveis”, avalia Pedro Augusto Pereira, 62 anos, residente do condomínio.

Duplicação dos 14,8 km da DF-140 vai beneficiar cerca de 20 mil motoristas que transitam pela região todos os dias

O também condômino Eudney Maia, 65, endossa os elogios do vizinho: “O fluxo de trânsito cresceu muito na região e, em determinados momentos do dia, era bastante difícil cruzar a pista para acessar o condomínio. Esse balão vai realmente facilitar, trazendo mais segurança e rapidez”.

Expansão e investimento

O presidente do DER, Fauzi Nacfur Junior, explica que a duplicação da DF-140 visa atender à demanda de veículos da região, que registrou grande adensamento urbano. “Brasília, hoje, cresce para esse lado aqui, para a região do chamado Tororó. Aqui é uma importante saída para Goiás, uma área essencial para o DF e que está crescendo muito rápido”, diz.

Liberado desde o início da semana, novo acesso tem sido elogiado

Ele lembra que, além da duplicação da DF-140, os moradores do Jardim Botânico também serão beneficiados com a construção do viaduto no km 27,2 da DF-001, na altura do balão da antiga Esaf, também sob execução do DER.

“Uma obra viária nunca é única, ela é sempre complementada por outras intervenções. Temos escutado que a obra do viaduto está parada, mas não está. Ela segue em plena atividade, com a execução da fundação. Hoje mesmo temos grandes guindastes trabalhando lá. Procuramos interferir o mínimo no trânsito e no conforto das pessoas”, completa.

Com investimento de R$ 33,5 milhões, a construção do viaduto vai desafogar o trânsito na região. Atualmente, os trabalhos estão concentrados na colocação das estacas. “Estamos terminando esta etapa e começando a drenagem em tunnel liner, com escavações gerais para a execução das linhas de tirantes. Nos próximos dias, iniciaremos o remanejamento das redes elétricas e de água e os serviços de guard rail”, detalha Keila Regina Bento de Oliveira Pereira, engenheira responsável pela obra.