Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
29/03/21 às 14h17 - Atualizado em 29/03/21 às 14h19

Dengue: 877 imóveis vistoriados em um dia em Planaltina

COMPARTILHAR

A cidade é a única do DF que teve aumento de casos na comparação com o ano passado. Ação reuniu Vigilância Ambiental e Bombeiros

 

O combate ao Aedes aegypti não para no Distrito Federal. Além das ações de rotina que ocorrem diariamente, forças-tarefas envolvendo órgãos do Governo do Distrito Federal acontecem paralelamente para reduzir cada vez mais os indicadores da doença na capital federal. Nesta sábado (27), Planaltina recebeu uma ação integrada da Vigilância Ambiental, e do Corpo de Bombeiros, que resultou em 877 imóveis inspecionados, os quais 76 receberam algum tipo de tratamento feito pelas equipes.

 

Cerca de cem armadilhas foram montadas em pontos estratégicos com o objetivo de fazer o levantamento de índice de vetor no bairro

Nesse tratamento utilizou-se larvicida em depósitos de água encontrados durante as vistorias. Pratos de vasos de plantas, caixas d’água, baldes e outros tipos de objetos que acumulam água foram vistoriados. Segundo o subsecretário de Vigilância à Saúde, Divino Valero Martins, o combate à dengue é dever de todos. “É importante que toda a população tire 10 minutos por semana para inspecionar seu quintal e possíveis áreas que podem acumular água parada”, recomenda.

 

A ação percorreu as quadras de Arapoanga e contou com 12 servidores da Vigilância Ambiental e 25 duplas de militares do Corpo de Bombeiros. Drones foram usados para auxiliar nas inspeções. Durante os trabalhos, as equipes encontraram 102 imóveis fechados.

Cerca de cem armadilhas foram montadas em pontos estratégicos com o objetivo de fazer o levantamento de índice de vetor no bairro.

 

 

Casos de dengue

Planaltina é a Região Administrativa do Distrito Federal que mais apresentou casos de dengue até a semana epidemiológica 10, de acordo com a Secretaria de Saúde. Segundo o último boletim divulgado pela pasta, enquanto todas as regiões do DF apresentaram queda no número de novos casos em comparação com o mesmo período do ano passado, Planaltina foi a única a apresentar alta de 4% em relação ao mesmo período.

 

O boletim informativo mostra que, em todo o DF, houve queda de 76,7% dos casos de dengue comparando com 2020. Enquanto no ano passado até o dia 13 de março foram notificados 10.439 casos prováveis da doença, este ano o número caiu para 2.435. Neste ano não houve registro de óbito, porém no ano passado, neste mesmo período, foram 9 mortes registradas.

 

Segundo o subsecretário de Vigilância à Saúde, Divino Valero Martins, “o DF tem vivenciado uma queda bastante significativa nos casos de dengue e podemos associar isso principalmente aos esforços da Saúde e dos demais órgãos do GDF que nos ajudam no combate ao Aedes aegypti”.

 

Para o subsecretário, essa queda “não é motivo para que diminuamos as ações que já estávamos fazendo. Seguimos em alerta para o avanço da doença em todas as regiões administrativas”, afirmou Divino.

 

*Com informações da Secretaria de Saúde

AGÊNCIA BRASÍLIA* | EDIÇÃO: MÔNICA PEDROSO