Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
10/05/21 às 15h27 - Atualizado em 10/05/21 às 15h28

20 novos papa-lixos para a Região do Sudoeste e Octogonal

COMPARTILHAR

Até o momento, o SLU já instalou 200 equipamentos em todo o DF. Coletor é mais prático e evita sacos de lixo expostos

 

As quadras do Sudoeste e Octogonal já contam com novos equipamentos para melhorar a coleta do lixo na região. Vinte papa-lixos estão sendo instalados em diversos endereços (confira abaixo) pelo Serviço de Limpeza Urbana (SLU/DF). Metade já está pronta e em funcionamento. Um investimento aproximado de R$ 800 mil do Governo do Distrito Federal (GDF) nesses dois bairros.

 

O papa-lixo é um contêiner semienterrado, com capacidade de até 5 m³, que possibilita o armazenamento dos resíduos de forma segura e limpa, evitando, assim, o descarte irregular pela população e a proliferação de vetores. Deve ser utilizado para receber resíduos orgânicos e indiferenciados (fraldas descartáveis, resíduos de banheiros, etc).

 

Mais discretos e práticos, novos coletores devem ser instalados em todas as regiões administrativas do DF até 2022 | Foto: Joel Rodrigues / Agência Brasília

Meta

De acordo com o SLU, 200 equipamentos como esse já estão em operação em todo o DF. A meta é chegar a 454 papa-lixos até janeiro de 2022, atendendo a todas regiões administrativas.

 

Esses coletores são, normalmente, instalados como uma forma de ampliar a oferta do serviço à população. No início da semana, a CLSW 300 B, no Sudoeste, teve o equipamento instalado em um estacionamento que atende tanto o comércio quanto os moradores do local.

 

A instalação foi acompanhada pelo comerciante Narciso Nonato, 28 anos, que possui uma barbearia na entrequadra.

 

O empresário disse que não conhecia os papa-lixos, mas adiantou que eles vão ajudar a comunidade.

 

“É uma lixeira mais discreta do que aqueles contêineres de plástico que têm por aí. É mais praticidade e comodidade para quem vai usar, e penso que deve eliminar o mau-cheiro. A ideia é bacana”, ressaltou.

Já na Octogonal 8, o coletor já estava sendo usado pelos zeladores do condomínio que depositavam sacos de lixo orgânico em seu interior e o restante nas lixeiras de plástico que ficam ao lado.

 

Práticos e grandes

Segundo a coordenadora de geoprocessamento SLU, Camila Lopes, os papa-lixos têm como vantagem garantir o condicionamento adequado dos resíduos e evitar sacos de lixo expostos. “Ele é destinado a moradores e a pequenos comércios. O estabelecimento que gera mais de 120 litros de resíduos diários, de acordo com a lei, deve ter seus próprios recipientes”, informa.

 

A administradora do Sudoeste, Tereza Lamb, lembra que moradores da Octogonal já vinham pleiteando a meses seus próprios papa-lixos. “Era um pedido antigo, até mesmo porque contribui para substituir aquela grande quantidade de contêineres espalhados pelas quadras”, afirma “Ele (papa-lixo) tem a capacidade de substituir até 8 dos comuns em termos de capacidade”, emenda.

 

Local dos papa-lixos:

Octogonal
AOS 8
AOS 7
AOS 6
AOS 5
AOS 4
AOS 2
AOS 1

Sudoeste
CLSW 300 A
CLSW 300 B
CLSW 504
CLSW 100
CLSW 101
CLSW 102
CLSW 103
CLSW 104
CLSW 105
CLSW 301
CLSW 302
CLSW 303
CLSW 304

 

Fonte: SLU/DF

RAFAEL SECUNHO, DA AGÊNCIA BRASÍLIA | EDIÇÃO: ABNOR GONDIM